top of page
  • Foto do escritorMari Guedes

Inscrições até sexta: Bolsa Jovem oferece cinco mil vagas de capacitação profissional para jovens

A Prefeitura de São Paulo prorrogou até as 18h da próxima sexta-feira, 10 de dezembro, as inscrições para o Bolsa Jovem, programa que terá cinco mil vagas de qualificação profissional com bolsa-auxílio no valor de R$ 569,25 para jovens com idades entre 16 e 20 anos. A iniciativa é voltada a alunos da rede municipal de ensino, que estejam no nível médio ou no CIEJA – Centro Integrado de Educação de Jovens e Adultos. Serão investidos mais de R$ 17 milhões para pagamento de bolsa-auxílio e contratação de oficineiros, que irão atuar como mentores e tutores dos alunos.

O Bolsa Jovem tem como objetivo evitar a evasão escolar e preparar este grupo para o primeiro emprego ou recolocação profissional, com atividades que serão desenvolvidas no formato on-line (a partir de 10 de dezembro), nas áreas administrativa e de tecnologia por seis meses. As inscrições ocorrem pelo Portal Cate.


Sobre o curso

O jovem selecionado terá a chance de se preparar para o mercado de trabalho com diversas ferramentas que o capacite para habilidades técnicas e socioemocionais para desenvolver performance adequada em processos seletivos e manutenção da vaga ao conquistarem uma oportunidade de emprego ou no empreendedorismo. Para essa formação, o programa contará com tutores e mentores que irão auxiliar os beneficiários em temas como opções de carreiras; desenvolvimento do seu potencial; autoconhecimento; relacionamento no ambiente de trabalho; entre outros. O pagamento da bolsa-auxílio no valor de R$ 569,25, será condicionado à comprovação de pelo menos 85% de frequência nas atividades oferecidas pelo projeto.

Entre as áreas de aprendizado estão administração de empresas, em segmentos de finanças, marketing, logística, recursos humanos e tecnologia dando suporte para o conhecimento básico e no preparo para o aprendizado de outras linguagens de programação.

As aulas serão realizadas pelo Portal Cate com conteúdo autoinstrucional, ou seja, o aluno faz a gestão das aulas assistidas, podendo rever as atividades gravadas, quantas vezes necessitar. Além do conteúdo programado, os alunos ainda receberão reforço escolar em português e matemática e orientações de tutores e mentores, uma vez por semana, em aulas ao vivo por duas horas. O projeto tem duração de seis meses, com carga horária de, no mínimo, 60 horas mensais.


Critérios para ingressar no Bolsa Jovem

Para participar, o jovem precisa atender aos critérios do programa como ter entre 16 e 20 anos no ato da inscrição, estar matriculada na rede municipal de ensino, no nível médio ou no CIEJA, estar desempregado, sem receber benefícios como seguro-desemprego, pertencer a famílias com renda per capita igual ou inferior a meio salário-mínimo e residir no município de São Paulo. A iniciativa inclusiva ofertará 10% das vagas destinadas a jovens autodeclarados LGBTI, 6% para jovens com deficiência e 6% para jovens imigrantes e/ou refugiados.


As inscrições serão feitas on-line pelo Portal Cate e os pré-aprovados serão comunicados por SMS e e-mail para comparecer nos dias 7, 8 e 9 de dezembro a uma das 17 unidades do Cate, das 8h às 17h com documentos como RG, CPF, Carteira de Trabalho, comprovante de residência e declaração de matrícula ou histórico escolar da rede municipal de ensino, além de cópia simples de cada.


Cates localizados na zona noroeste

Cate Brasilândia – Av. João Marcelino Branco, 95;

Cate Lapa – Rua Guaicurus,1000;

Cate Pirituba – Av. Dr. Felipe Pinel,12;

Cate Jaraguá – Estrada de Taipas, 990;

Cate Perus – Rua Ylídio Figueiredo, 349.


2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comentarios


bottom of page